Alarmes

    Sistema de Segurança Eletrônica

    Sistemas de segurança eletrônica é um conjunto de equipamentos e dispositivos técnicos que instalados em um determinado local, residencial ou comercial, controlam fatos que possam sugerir risco para as vidas e os bens das pessoas que ali residem, trabalham ou freqüentam.

    Estes sistemas têm como objetivo detectar e avisar por meio de sinais, aos responsáveis (proprietários, central de monitoramento interna e externa ou órgãos públicos competentes) alguma irregularidade, de forma que sejam tomadas as devidas providências. É um sistema preventivo.

    • Painéis de Alarme
      Funcionam como "coração" do sistema. Recebem os sinais provenientes dos sensores e detectores e os enviam a Central de Monitoramento da SHEMESH. Os painéis de alarme possibilitam que o estabelecimento monitorado seja divido em zonas. Desta forma, ao receber um sinal de alarme, a Central de Operações pode identificar que "zona" do estabelecimento foi invadida;
    • Baterias de Emergência
      Garante o funcionamento do sistema de alarme caso haja perda da energia elétrica no estabelecimento do cliente. Quando a bateria atinge uma carga considerada "baixa" o Painel de Alarme envia a Central de Monitoramento;
    • Sirenes
      Na ocorrência de um evento, emite um sinal sonoro de 120 dB, com o objetivo de inibir a ação de possíveis invasores;
    • Botões anti-sabotagem
      Detecta a abertura não autorizada do Painel de Alrme e envia um sinal de sabotagem para a Central de Monitoramento;
    • Placa "Monitorado 24horas"
      Funciona de forma preventiva, instalada na parte externa do estabelecimento.

    Sensores e Detectores

    São equipamentos eletrônicos que detectam eventos. Para cada tipo de evento é indicado um tipo de sensor ou detector. Ao fazer esta detecção enviam uma informação ao Painel de Alarme que interpreta o sinal e o envia a Central de Monitoramento.

    • Sensores Magnéticos Leve
      Detecta a abertura ou arrombamento de portas, janelas, alçapões etc;
    • Sensor Magnético Pesado
      Possui uma residência maior que o magnético simples. Indicado para detectar a abertura ou arrombamento de portões ou portas de enrolar;
    • Sensores Infra Vermelho Passivo (PET)
      Indicado para ambientes internos detecta o movimento de pessoas através de raios infravermelhos que acusam a mudança de temperatura no ambiente. Podem ser desativados enquanto os sensores externos permanecem ativados permitindo que se movimente livremente pelo interior do estabelecimento;
    • Sensores Infra Vermelho Micro Ondas
      Detecta o movimento de pessoas. Possui dupla tecnologia com o objetivo de conferir com mais rigor a veracidade do sinal detectado. É indicado para ambientes complexos ou problemáticos, como por exemplo: locais com altas temperaturas, estabelecimentos com animais domésticos etc;
    • Sensores de Fogo e Fumaça
      Detecta indícios de incêndio através de aumento de temperatura ou fumaça. Permanece 24 horas por dia ativado, inclusive quando o sistema de alarme estiver desativado;
    • Sensores de Ruptura de Vidros 
      Detecta a ruptura de portas, janelas ou vítimas de vidro através de freqüência;
    • Sensores de Impacto
      Detecta a tentativa de ruptura de vidro. Não é necessário que o vidro se quebre para que o sensor gere um sinal de alarme;
    • Botão de pânico Fixo
      Instalado em locais estratégicos, escolhidos em comum acordo com o cliente, este botão uma vez pressionado, envia um sinal silencioso à Central de Operações avisando que algo suspeito está acontecendo no estabelecimento;
    • Botão pânico remoto
      Pode ser acionado de qualquer lugar do estabelecimento facilitando o envio do sinal de pânico à Central de Operações, Pode ser levado no bolso do usuário ou colocado no pescoço em forma de colar;
    • Receptores de pânico Remoto
      Antena receptora dos sinais provenientes do botão de pânico. Compreende uma área de alcance de aproximadamente 30m, livres de obstáculos;
    • Sensores sem Fio
      São sensores que podem ser instalados sem a necessidade de estarem conectados fisicamente com os painéis de alarme, pois possuem alimentação através de bateria própria.

    Proteção Perimetral

    Os sistemas de alarme dispõem basicamente de duas opções para proteção perimétrica: cercas elétricas e sensores fotoelétricos

    • Cerca Elétrica
      Umas das opções de sistemas de proteção perimétrica. Este sistema exige o serviço de manutenção constante em função de seu alto grau de exposição. Apesar da alta voltagem, a corrente (amperagem) é baixíssima, existindo um intervalo de 1,2s entre os choques, evitando que aqueles fiquem presos à mesma, daí a denominação "pulsativa";
    • Sensor Infra Vermelho Ativo
      Módulo de choque para cerca elétrica. Gera 8.000 V, no entanto a uma baixíssima corrente de 20 mA;
    • Microondas
      Geralmente instalado em muros e grades, é uma alternativa mais estética para a proteção perimetral. Funcionam através de feixes fotoelétricos que uma vez interrompidos geram um sinal de invasão alertando os responsáveis pelo estabelecimento e também à Central de Operações da SHEMESH;
    • Outros